Capex

Da Thinkfn
(Redireccionado de CAPEX)

CAPEX, capex, ou gastos em capital (capital expenditures) são despesas que produzem benefícios ao longo de um período futuro longo (superior a um ano). O capex ocorre quando uma empresa compra activos (imobilizado) ou investe em activos já existentes que possuam uma vida útil superior ao exercício em que ocorre a compra ou investimento.

O capex é usado pela empresa para adquirir ou melhorar activos físicos tais como instalações, equipamento, veículos e outro tipo de activos que possuem vidas e usos que não se esgotam no exercício em que são adquiridos e que, portanto, estão sujeitos a um reconhecimento do respectivo custo ao longo de vários exercícios, via amortizações.

A diferença entre uma despesa que é classificada como capex e uma despesa normal é, portanto, o facto da totalidade da despesa normal ser reconhecida no mesmo exercício em que ocorre, ao passo que os gastos de capital são reconhecidos ao longo de diversos exercícios, mesmo que sejam pagos totalmente no exercício em que ocorrem.

Relevância para o Cash Flow

A importância de apurar o capex de um exercício (e de cruzeiro) vem de que, exceptuando casos de financiamento de longo prazo, a saída de dinheiro respeitante ao capex ocorre no exercício em que se incorre no dito, não obstante o seu custo ser reconhecido apenas parcialmente nesse exercício e o restante ser reconhecido nos seguintes, via amortizações.

Logo, torna-se numa rúbrica importante do mapa de cash flow (em actividades de investimento) e influencia sobremaneira a capacidade da empresa de gerar dinheiro para outras aplicações (por exemplo, para remunerar o accionista), afectando fortemente o cash flow livre (free cash flow) gerado pela empresa.

Existem dois tipos de negócio: o primeiro lucra 12% e no final do ano pode-se retirar o dinheiro. O segundo lucra 12%, mas todo o cash em excesso tem que ser reinvestido - nunca dá dinheiro. Lembra-me um tipo que olha para todo o seu equipamento e diz: "Aí está todo o meu lucro". Nós detestamos esse tipo de negócio.

Charlie Munger

Onde encontrar o valor do capex?

O valor do capex é obtido através do mapa de cash flow (cash flow statement) na rúbrica “Investing” em “Additions to property and equipament” (ex: Cash Flow Statements da Microsoft disponível na página de relações com os investidores) ou na rúbrica “Investing Activities, Cash Flows Provided By or Used In” em “Capital Expenditures” (ex: Cash Flow Statements da Microsoft disponível no Yahoo! Finance). Este valor é sempre negativo.[1]

No exemplo da Microsoft, o capex em 2007 foi de (2.264) milhões de dólares.[1]

Erros comuns

Muitos analistas adicionam o capex (ou consideram capex positivo) ao EBITA no cálculo do cash flow livre, o que, mesmo que feito apenas em alguns exercícios, é errado. O capex deve ser sempre tido como uma despesa de investimento (e nunca como um proveito; apesar de gerar benefícios), logo subtraído (considerado negativo) ao EBITA.[1]

Estes erros influenciam sobremaneira o apuramento do valor justo (fair value) apurado através de um modelo de discounted cash flow, podendo-se, por exemplo, com uma pequena alteração de 10% no capex no último exercício de um período de 5 anos, influenciar em aproximadamente 30% o valor justo obtido.[1]

Fraude

Numa das maiores fraudes contabilísticas da história, a Worldcom classificou custos do período como gastos de capital (capex), o que lhe permitia reconhecer esses custos ao longo de vários períodos, e portanto os subavaliava no curto prazo, sobreavaliando os resultados reportados. Esta fraude apenas teria reflexo na dificuldade da empresa em gerar cash flow livre, pois os custos erradamente classificados como despesas de capital, ainda assim teriam que ser pagos no período a que reportavam.

Assim, é de ter particular cuidado com diferenças entre resultados e cash flow livre que perduram durante muito tempo, dando a ideia de um bom negócio (resultados elevados) que devido ao investimento, nunca liberta dinheiro.

Referências

  1. 1,0 1,1 1,2 1,3 Viana R., Octávio (2007). Estudos no Mercado de Capitais, Edição I (em português), Euronext | ATM.

Ver também

Links relevantes